Professores e funcionários da educação encerram greve após assembléia em Curitiba

A assembleia autorizou a categoria a realizar nova paralisação e mobilização caso seja anunciado mais algum ataque ainda este ano.

Professores e funcionários da educação encerram greve após assembléia em Curitiba

Professores e funcionários de escola em greve realizaram uma assembleia na tarde desta quarta-feira (04) em frente ao Palácio Iguaçu, em Curitiba, e encerraram a paralisação, mas mantiveram o estado de greve.

A assembleia autorizou a categoria a realizar nova paralisação e mobilização caso seja anunciado mais algum ataque ainda este ano. Também aprovou orientação para que os educadores deixem de usar equipamentos particulares, como o celular, para lançar notas e registrar presença dos estudantes.

A decisão foi tomada após uma manobra acordada entre o governador Ratinho Junior e deputados aliados para votar alterações nas regras de aposentadoria do funcionalismo estadual sem diálogo e em regime de urgência.

A sessão plenária desta quarta foi transferida para a Ópera de Arame. O acesso ao local foi bloqueado pela Polícia Militar. Sem o acompanhamento da população, as propostas do governo, uma emenda à Constituição (PEC) e dois projetos de lei, devem ser aprovadas.

Fonte(s): CGN.
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Comentários
Publicidade
Publicidade

Veja também

\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\
Publicidade
Publicidade

Envie sua mensagem e assim que possível estaremos respondendo!