Rádio Terra Brasil 102,5 FM

Domingo, 23 de Junho de 2024

Policial

Guaíra - Polícia Federal entra em confronto armado com contrabandistas

O preso foi encaminhado para a UPA pela ambulância do SAMU.

Redação 102
Por Redação 102
Guaíra - Polícia Federal entra em confronto armado com contrabandistas
Foto: Ponto da Notícia
IMPRIMIR
Espaço utilizado para comunicação de erro nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Polícia Federal divulgou uma nota sobre o caso em que um homem acabou baleado durante uma ação policial no final da tarde da última segunda feira (20), no interior de Guaíra. Segundo a PF, houve confronto. Leia a nota na íntegra abaixo.

Na tarde desta segunda-feira (20/05), Policiais Federais no âmbito da Operação Argos, realizavam patrulhamento na zona rural da cidade de Guaíra/PR, quando a equipe verificou movimentação de veículos saindo de um porto clandestino da região. Na tentativa de abordagem, o veículo ignorou os sinais sonoros e luminosos e empreendeu fuga.

Durante acompanhamento tático, o veículo tentou colidir com a viatura, momento em que disparos de arma de fogo foram efetuados em direção a equipe policial. Em decorrência da injusta agressão, a equipe respondeu efetuando disparos de arma de fogo em direção ao veículo, momento em que um homem correu em direção ao milharal. O veículo continuou em fuga por alguns metros e parou no meio da estrada rural.

Durante buscas no local, verificou-se que o motorista do veículo havia sido atingido, e de imediato a equipe realizou os procedimentos de primeiros socorros e acionou o SAMU para o atendimento do ferido. Uma arma de fogo foi encontrada abandonada durante a fuga do passageiro do veículo, e após buscas, o homem não foi encontrado. O veículo estava carregado com diversos volumes de cigarros eletrônicos contrabandeados do Paraguai.

O veículo e todo material apreendido foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Federal em Guaíra-PR. O preso foi encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento de Guaíra pela ambulância do SAMU.

FONTE/CRÉDITOS: Ponto da Notícia
Redação 102

Publicado por:

Redação 102